quarta-feira, 24 de agosto de 2011









































fala ao meu coração que aflito espera,
uma resposta, um consolo que possa,
aliviar tamanha dor, tamanha dúvida,
por isso, humildemente e em silêncio,
Te peço com fervor:
fala Senhor!
Quero ouvir o som da Tua voz,
mesmo que a resposta venha nos ventos,
dizendo que é para eu mudar,
que venha do mar, pedindo para eu esperar,
ou no canto dos pássaros, que insistem em cantar,
mesmo diante da tempestade, pedindo-me perseverança...
Por isso hoje, em meio ao pranto e a dor, eu lhe peço com confiança
Fala Senhor!
E ao ouvir Tua voz, saberei que caminho seguir,
e atento ao teu mandar, eu buscarei,
na fé que alimento a cada dia, forças para vencer .
as dificuldades que me cercam, pois Tu és o meu refúgio,
Tu és a minha rocha e o meu escudo,
e em meio ao mundo descrente,
em meio à guerras e ao desamor,
na certeza da vitória, eu peço com a alma,
fica comigo, Senhor!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

About this blog

Arquivo

Labels